Notícias Brasil


Notícias do Brasil

Operação da Polícia Civil apreende cerca de 1 tonelada de maconha em Monte Santo de Minas, MG

Atualizado em: 27/07/2017 às 18:30

Cerca de 1 tonelada de maconha foi apreendida em um sítio na noite desta quarta-feira (26) em Monte Santo de Minas (MG). Segundo a Polícia Militar, a ação foi feita pelo Departamento Estadual de Combate ao Narcotráfico de Belo Horizonte (MG), o Denarc.

Os militares informaram que a Polícia Civil estava monitorando os criminosos por meio de escuta telefônica e, por isso, sabiam que um carro seguia de Itaúna (MG) para Monte Santo de Minas para esperar a droga que vinha de São Paulo. A Polícia Civil abordou os suspeitos no momento em que a droga estava sendo transferida, mas três deles conseguiram fugir pela mata.

Ainda de acordo com a PM, o caseiro do sítio foi preso e os carros foram removidos para um pátio do Detran em Arceburgo (MG). A droga foi levada pelo Denarc para Belo Horizonte. Os fugitivos são de Ribeirão Preto (SP) e Belo Horizonte, ainda segundo a polícia. Até a publicação desta reportagem, eles não haviam sido localizados.

Fonte: G1



Passagem de ônibus fica mais cara em Contagem nesta quinta-feira

Atualizado em: 27/07/2017 às 18:15

A passagem de ônibus fica mais cara a partir desta quinta-feira (27) em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. A tarifa subiu de R$ 3,70 para R$ 4,05.

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) autorizou o aumento depois que as empresas entraram com uma ação contra a prefeitura, que havia reduzido o valor da tarifa no início do ano.

Em nota, a Prefeitura de Contagem disse que vai multar empresas de ônibus por cobrança irregular da tarifa reajustada e que não foi notificada oficialmente pelo TJMG sobre a suspensão da redução das passagens de ônibus.

Ainda segundo a prefeitura, por meio da Autarquia Municipal de Trânsito e Transportes de Contagem (Transcon), vai adotar medidas administrativas. A legislação prevê multa diária às empresas que operam o transporte coletivo no município de até 150 vezes o valor da tarifa, por ônibus.

A assessoria jurídica da Transcon esclarece que quem pagou a passagem no valor de R$ 4,05, nesta quinta-feira, poderá procurar por direitos, solicitando junto às empresas de transporte o ressarcimento da diferença relativa ao reajuste.

Por fim, a prefeitura informou que vai recorrer tão logo seja oficializada da decisão judicial.

Fonte: G1

Voltar